terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Aprendizes contratados pela Jardine Veículos

No dia 10 de janeiro, o colaborador do setor Empresa Escola, João da Luz, realizou visita à empresa Jardine Veículos, onde acompanhou as assinaturas de contratos dos novos aprendizes do curso de Mecânica e Elétrica Automotiva do Calábria. Os alunos receberam as orientações no ato da admissão pela coordenadora de R.H, Kátia Fetzer e pela colaboradora Fernanda Rodrigues.


Em 1929, José Sponchiado criou o Grupo abrindo uma das primeiras revendas Chevrolet no Brasil. Essa foi a primeira demonstração de pioneirismo do Grupo Sponchiado, já que a marca Chevrolet havia chegado ao país há apenas quatro anos. Hoje, o Grupo Sponchiado conta com uma das maiores redes de concessionárias Chevrolet do sul do Brasil. Com revendas autorizadas Chevrolet no Rio Grande do Sul, o grupo atua nos segmentos de carros novos, seminovos, oficina, peças e acessórios.


Fonte: Empresa Escola

Doação de computadores da AGU

O Calábria recebeu da Advocacia-geral da União (AGU), no dia 30/01, doação de computadores e suprimentos de informática, os quais serão utilizados pelas crianças e adolescentes nos cursos profissionalizantes e projetos sociais da instituição. O Calábria agradece a parceria da AGU na busca constante por oportunidades para os nossos beneficiários.



Fonte: Dica

Oficina de Customização e Acessórios

No mês de janeiro, os educandos do Centro de Cuidados SJC confeccionaram diversas pulseiras na oficina de Customização e Acessórios do Projeto Verão com a educadora Thais Rocha. Desta vez, o material utilizado para dar realce às pulseiras foi a miçanga. “Criar pulseiras de miçangas é superdivertido, pois além de estimular a criatividade, trabalha a concentração e contribui no desenvolvimento da coordenação motora fina dos educandos”, relatou a educadora.



Fonte: Centro de Cuidados SJC

Jogo de campeões


Aconteceu na sexta-feira (27/01), jogo de futebol entre as instituições Calábria e Fundação Pão dos Pobres, reunindo aspirantes a jogadores numa tarde muito descontraída e cheia de vínculos sendo construídos e fortalecidos. 


O cenário foi o campo de futebol atrás de uma das casas-lares do Calábria. O time composto pelos meninos da Casa-lar acabou perdendo para o time do acolhimento institucional do Pão dos Pobres, os quais integram o Projeto Superego - Esporte Clube Pão dos Pobres. Contudo, os meninos da Casa-lar prometem uma revanche em breve! 


Após, as instituições promoveram também um "salchipão", para mais um momento de interação e fortalecimento de vínculos. 


A coordenação e equipe técnica das Casas-lares agradece a todos que fizeram um pouco parte desse maravilhoso jogo de campeões. 


Ao casal social Marcelo e Camila, que abriu as portas da casa para receber quase 40 pessoas e promover essa integração e tarde tão divertida. Às crianças e adolescentes que fizeram o dia ser muito tranquilo e que, mais importante, foram os mentores de toda organização! À Padaria do Calábria que forneceu uma parte dos pães para o 'salchipão'.


E, claro, ao time vitorioso que mesmo ganhando manteve a humildade e maturidade para reconhecer e agradecer todo o esforço da instituição. Assim como às equipes da Fundação Pão dos Pobres e Casa-lar, que se disponibilizaram e, juntos, organizaram o encontro. 



Fonte: Casas-lares Calábria

Brincadeiras com água

Verão é sinônimo de calor! E nada melhor do que se refrescar com brincadeiras com água. No dia 24 de janeiro, as educadoras Thaís Rocha e Silvia Vicente realizaram atividades com água com os educandos do Centro de Cuidados. Entre as brincadeiras, destacaram-se: guerrinha de bexigas, garrafas com água e tinta, escorregando no sabão e banho de mangueira. Segundo as educadoras, as atividades ajudaram a estimular várias habilidades estimularam várias habilidades. “As sensações físicas proporcionadas foram muito prazerosas, todos puderam se refrescar e brincar”, comentaram.










Fonte: Centro de Cuidados SJC

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Oficina de Mandalas

Na semana de 23 a 27 de janeiro, a educadora Silvia Vicente elaborou uma oficina para o Projeto Verão do Centro de Cuidados SJC sobre mandalas com linha. Conhecer o conceito da mandala na história e na arte indígena significa identificar sua forma em objetos e situações do cotidiano e reconhecer diferentes formas geométricas presentes na sua construção. O objetivo da oficina foi desenvolver o valor da arte na prática do processo de ensino-aprendizagem, instigando o conhecimento de diversificadas manifestações culturais expressas artisticamente.



Fonte: Centro de Cuidados SJC

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Visita angolana ao Calábria


Nessa sexta-feira (27/01), o Calábria recebeu a visita da Sra. Joaquina, benfeitora e amiga da Congregação Pobres Servos de Angola. Na ocasião, acompanhada pelo colaborador do setor Dica, João da Luz, ela visitou os setores da Instituição e pôde conhecer os projetos realizados com as crianças, jovens e idosos. Ficou bastante admirada com a questão das parcerias para execução dos projetos. “Em Angola, nós não temos ainda este tipo de incentivo dos governantes, embora tenhamos espaços físicos e boa-vontade para trabalhar”, comentou. A Sra. Joaquina está no Brasil desde o dia 27/12, quando chegou com a Delegação angolana para a profissão religiosa de quatro noviços e três noviças naturais de Angola, os quais emitiram seus primeiros votos no dia 01/01. Neste sábado, 28/01, ela retorna para sua terra natal.

Fonte: Dica

Customizando estojos com caixas de leite


Entre as embalagens mais utilizadas diariamente em casa e que podem ser reaproveitadas no artesanato são as caixas de leite do tipo longa vida. 


Os educandos do Centro de Cuidados SJC e a educadora Thaís Rocha, na oficina de customização do Projeto Verão, reciclaram caixas de leite de uma maneira bem fácil e criativa, e as transformaram em estojos.


Inicialmente, as turmas cortaram as caixas em três partes com aproximadamente 7cm cada. As partes foram coladas em uma folha, deixando mais ou menos um espaço de 3cm entre elas. Essa estrutura foi revestida com tecido. Em cima, foi repetido o primeiro processo e foram colados os elásticos para prender os objetos.

 Um dos objetivos do trabalho foi ajudar no desenvolvimento da motricidade fina, fundamental em atividades de corte, colagem ou costura. 


Além disso, os educandos agregaram conhecimento sobre confecção de estojos e a sua economia, quando confeccionado a domicílio.


“Os educandos amaram a ideia de produzir seu próprio estojo e foi supergratificante ver a empolgação desde a primeira aula; o resultado final foi maravilhoso”, comemorou a educadora.


Fonte: Centro de Cuidados SJC

Doação da AGU

O Calábria recebeu da Advocacia-geral da União (AGU), no dia 26/01, doação de mais de três mil itens de materiais de escritório e aproximadamente nove toneladas de papel de impressora matricial, estes últimos encaminhados para reciclagem, gerando para a Instituição em torno de dois mil reais, os quais serão revertidos para a manutenção das atividades.



Fonte: Segurança do Trabalho

A Importância do Alongamento

Com o objetivo de desenvolver o reconhecimento do corpo em ação, a oficina de dança da educadora Andréia Ramires priorizou nesta semana o alongamento e o aquecimento corporal. “Ao realizarem esta atividade, observa-se que os educandos necessitam buscar a organização do corpo, e a cada aula vão aprimorando os movimentos, coordenando-se espontaneamente”, comentou. Segundo a educadora, o alongamento reduz os risco de lesões musculares, aumenta a flexibilidade e a amplitude dos movimentos, melhorando o desempenho nas danças e atividades afins.








Fonte: Centro de Cuidados SJC

Bem-vindo à Gatoterapia

Você sabe o que significa Gatoterapia ou a TAA? Pois foi isso que os educandos do Centro de Cuidados SJC aprenderam nos dias 23, 24 e 26 de janeiro. Conforme a educadora Amanda Fedrizzi, eles foram apresentados à gatoterapia que é a Terapia Assistida por Animais (TAA) e que envolve gatos e outros animais como cães, peixes, coelhos, atuando como facilitadores em tratamentos psicológicos ou físicos. Existem hospitais como o Israelita Albert Einstein, em São Paulo, que permitem a entrada de bichos de estimação desde 2009. Os educandos perceberam que muitas pessoas que têm contato com os animais acabam sendo influenciadas de forma positiva, gerando benefícios em suas vidas.







Fonte: Centro de Cuidados SJC

Retorno das atividades do setor de cursos

Com o retorno das férias dos educadores e equipe técnica, no dia 26/01, estes foram acolhidos pelas Coordenadoras Roseli Demartini e Carla Ferraz e também pelo supervisor Robson Goulart, que realizaram uma reunião, onde foram apresentadas as atividades e mudanças que serão realizadas durante 2017. A equipe está motivada e aguardando o retorno dos alunos. Lembrando que as aulas iniciam dia 6/02.



Fonte: Coordenação dos Cursos

Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto


Fonte: DICA

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Decoração das máscaras com faixa gessada

Dando continuidade à oficina de máscaras no Projeto Verão do Centro de Cuidados SJC, a educadora Silvia Vicente explicou a segunda etapa do processo de confecção. Nesta segunda etapa, espera-se que os educandos completem e pintem as máscaras usando tinta para artesanato, lantejoulas coladas com cola quente, cola glitter, purpurina e penas coloridas. O objetivo desta oficina foi desenvolver nos educandos a criatividade, a coordenação motora, atenção e trabalho em equipe, além de que, a máscara de gesso é uma opção barata e com bastante potencial para que os educandos possam fazer em suas casas com seus familiares para eventuais festas, decoração e também podendo ampliar a economia familiar.



Fonte: Centro de Cuidados SJC

Máscaras com faixa gessada


Utilizando faixa gessada, a educadora Silvia Vicente iniciou esta semana sua oficina de máscaras no Projeto Verão do Centro de Cuidados São João Calábria.


A confecção de máscaras pelo homem remonta à antiguidade a sociedade indígena e africana, por exemplo, faziam máscaras para serem usadas em rituais religiosos. A partir da Grécia antiga, a máscara passou a ser usada também no teatro para dar lugar aos personagens.


Para a confecção das máscaras, os educandos aprenderam o processo passo a passo: 1° - cortaram a atadura em pedaços pequenos e os mergulharam na bacia com água; 2° - passaram no rosto hidratante ou vaselina, para facilitar a retirada da máscara; 3° - cobriram o rosto com ataduras deixando livre os olhos, a boca e as entradas nasais; 4° - esperaram cinco minutos para secar a máscara, que se soltou com os movimentos da boca, bochecha e testa. Lavaram o rosto em seguida.


Esta foi a primeira etapa da montagem das máscaras, após secarem, as peças serão finalizadas com pintura e decoração.


Fonte: Centro de Cuidados SJC

Porto Verão Alegre no Calábria


No dia 24 de janeiro, o Centro de Cuidados São João Calábria foi contemplado com a oficina de performance do projeto Porto Verão Alegre 2017, ministrada pelo ator e bailarino João Lima. 


A oficina tem o objetivo de atingir a população de baixa renda, é totalmente gratuita e faz parte da programação paralela do Porto Verão Alegre. João Lima realizou as atividades com os adolescentes dos projetos Trabalho Educativo e Cidade Escola. Todos participaram com entusiasmo, devido à oficina ser atrativa e dinâmica.


Em sua 18ª edição, o Porto Verão Alegre, tradicional festival de artes cênicas de Porto Alegre, tem em sua programação 68 espetáculos, dez a mais em relação ao evento anterior. Neste ano, o evento vai até o dia 19 de fevereiro na capital.


Até o final desta edição do festival, 3900 ingressos serão doados a instituições não governamentais pela organização do evento. Além da doação de ingressos, assim como no ano passado, quatro instituições sociais estão recebendo oficinas de teatro, beneficiando pessoas de diferentes idades. 


As atividades são ministradas, novamente este ano, por João Lima, Mestre em Teatro, com formação em Artes Cênicas, Educação Física, pós-graduado em Arte Corpo e Educação. João Lima é oficineiro há mais de 20 anos, atuando junto à populações em situação de vulnerabilidade social, idosos, adolescentes, crianças, abrigados.



Fonte: Centro de Cuidados SJC